A Liderança autêntica funciona? Verdade a mais?  Excesso de confiança?

"Sou aquilo que vês". Esta é uma das expressões típica dos líderes que se dizem autênticos.

High Play Institute
1 de Julho de 2018

Aqueles que falam a verdade num alinhamento com os seus princípios morais. Mas a autenticidade muitas vezes só serve o bem estar pessoal dos líderes. Alimenta-lhes ainda mais o seu amor próprio. Sendo frequentemente um sinal de incapacidade relacional e social. Isto é, segundo os estudos, existem líderes com um nível elevado de autenticidade, mas têm uma fraca orientação para a relação com os outros, logo a autenticidade percebida pelas pessoas que o rodeiam é igualmente baixa.

A autenticidade é reconhecida pelos outros quando está orientada para o bem comum. Se a mesma revelar despreocupação com as pessoas e alguma desumanização, faz com que o líder pareça ser uma pessoa distante, rude e pouco autêntica. Isso não implica que um líder deva optar por ser um "camaleão social". O que muda constantemente face aqueles que o rodeiam. Mas tem de cuidar da forma e dos impactos que tem quando transmite a sua verdade.

"A chave da uma boa liderança hoje em dia é a influência, e não a autoridade."

Revista Digital Start&Go