Sapato verde

1 de Março de 2019

Numa conversa à mesa, num jantar entre amigos e família, falava-se da dificuldade em encontrar calçado alternativo à pele animal em Portugal e na necessidade de surgir algo que colmatasse essa questão.

Depois de algumas pesquisas, começa a germinar a semente e a 29 de agosto de 2014 é inaugurada a 1ª sapataria vegan em Portugal, a Sapato Verde! Alexandra é rosto da Sapato Verde e nós fomos saber mais de como tudo isto começou.

Start & Go - A Sapato Verde surgiu inicialmente como uma sapataria, quando e porque sentiram a necessidade de alargar a gama de produtos oferecidos? Os vossos sapatos são marca própria?

Alexandra – Inicialmente o nosso foco era realmente o calçado vegan, isto por não existir nenhuma loja física com este conceito em Portugal, no entanto depressa verificámos que também não era fácil encontrar outros produtos sem ingredientes de origem animal e muitas vezes a dúvida na composição e ingredientes nos dificultava a compra. Por esse motivo decidimos ampliar a oferta de produtos Vegan para acessórios, vestuário e cosmética.

Start & Go - Qual foi o maior desafio sentido até ao momento com o desenvolvimento do projeto? 

Alexandra – O apoio financeiro e a carga fiscal foram, sem dúvida, a nossa maior dificuldade e entrave. Sem capital próprio torna-se mais difícil conseguir adquirir novas coleções. Felizmente a maioria dos nossos fornecedores e parceiros são também os nossos maiores apoiantes e ajudaram-nos imenso nos primeiros 3 anos do projeto.

Start & Go - Qual é a principal visão para o projeto?

Alexandra – Solidificar o projeto com mais opções veganas, sustentáveis e nacionais e aumentar a nossa equipa.

Start & Go - Quantos colaboradores tem atualmente a vossa empresa?

Alexandra – Neste momento a nossa empresa conta com 4 colaboradores 

Start & Go - Qual tem sido a adesão do mercado ao vosso conceito e aos valores da marca? 

Alexandra – Tem sido muito positiva e temos crescido imenso enquanto loja física. Mudar para Lisboa foi um passo muito importante nesse sentido. As pessoas sentem uma empatia muito grande e são na maioria seguidores dos mesmos valores que a nossa marca representa.

Start & Go - Qual o vosso mercado preferencial?

Alexandra – A nossa porta está aberta a todos sem exceção, no entanto o nosso público alvo são os clientes vegan e com práticas ambientais sustentáveis.

Start & Go - Está prevista a vossa expansão para outras cidades do pais?

Alexandra – Não, queremos focar-nos na loja que temos. Um dos nossos fortes é o atendimento personalizado, com um cuidado especial para com os nossos clientes, o que por vezes se perde um pouco quando se começam a abrir outras lojas. 

Start & Go - Projetos para o futuro?

Alexandra – Solidificar a nossa presença online, divulgar o veganismo e ajudar pessoas na transição desmistificando duvidas. Na parte do café, o Green Beans Café (pertence à nossa empresa e partilha o mesmo espaço), queremos aumentar a nossa oferta e fazer eventos temáticos.

Artigo em formato PDF

Revista Digital Start&Go

Últimas